College History – Gregg Popovich e Seu Início em Air Force

Uma das maiores riquezas contidas no college basketball é a quantidade de histórias incríveis que nunca foram contadas para você, querido leitor, que está começando a acompanhar o basquete universitário norte americano. São tantas histórias pra contar que, tivemos a brilhante ideia de criar uma série para colocar todas elas ao seu alcance.

A série denominada College History, irá trazer algumas das histórias mais lendárias que provavelmente você nunca tenha ouvido, além de curiosidades e muitas outras situações que vão levar você a entender a grandeza que existe por trás de uma das maiores ligas de basquete do mundo. Nesta quarta matéria da série, falaremos sobre um dos melhores técnicos de todos os tempos da NBA e sua trajetória pelo College Basketball.

LEIA TAMBÉM: A Historia de UNLV e o Titulo Nacional em 1990
LEIA TAMBÉM: Um gigante adormecido: University of San Francisco
LEIA TAMBÉM: A Incrível História de Larry Bird e Indiana State

Gregg Popovich nasceu em East Chicago, Indiana, fez High School em Merrillville High School e estudou na United States Air Force Academy. Durante sua passagem pela universidade, em 1966-70, Coach Pop jogou pelo time de basquete dos Falcons. Não é muito fácil coletar dados da época, imagina de um programa pequeno, mas eu consegui alguma coisa.

Pop (ou Popo na época), durante seu Senior Year, foi líder, capitão e leading scorer de Air Force com 14,3 pontos de média com aproveitamento de .559 dos arremessos, .796 do lance livre e 4,5 rebotes por jogo. Não era lá essas coisas, não conseguiu conquistar nada por Air Force como jogador, mas os primeiros passos foram dados lá. Serviu por cinco anos a United States Air Force, onde, em 1972, foi capitão da Armed Forces Team, no qual foram campeões da Amateur Athletic Union (AAU). Em 1973, Pop retornou à Air Force Academy como assistente técnico de Hank Egan e permaneceu por lá durante seis anos. Egan viraria assistente técnico de Gregg nos Spurs.

Durante essa passagem como assistente técnico do time de basquete de Air Force, Pop se formou pela University of Denver em Educação Física e Sports Sciences. Em 1979, ganharia o cargo de técnico no time de Pomona-Pitzer. Lá conseguiria o primeiro título, desse pequeno programa, em 68 anos. Permaneceu até 1986, ano em que se tornaria assistente técnico voluntário de Larry Brown (atual técnico de SMU) para ganhar conhecimento. Ficou com Coach Brown até 1987, ano que retornaria à Pomona-Pitzer. Terminou sua passagem por Pomona-Pitzer com record geral de 76 vitórias e 129 derrotas, 41-49 dentro da conferência, 1 título conferencional e um 4º lugar na NCAA D-III.

Pop como técnico de Pomona-Pitzer

Em 1988, após sair de Pomona-Pitzer, Pop se juntaria a Larry Brown no comando do Spurs. San Antonio contou com a dupla de 1988 a 1992 e Pop era o principal assistente técnico de Brown, nesse período, até serem demitidos por Red McCombs. Gregg, depois de sua saída do Spurs, foi parar no Warriors para ser assistente técnico de Don Nelson no ano de 1992, levando junto o armador Avery Johnson (atual técnico de Alabama).

Em 1994, Pop retorna ao Spurs como general manager, após Peter Holt comprar a franquia. Os primeiros movimentos de Pop: trazer Avery Johnson de volta para ser o PG starter e mandar Dennis Rodman em troca de Will Perdue. Na temporada de 1996-97, após o início 3-15, com David Robinson encostado devido a uma lesão nas costas, Pop demitiu o então técnico Bob Hill e se nomeou como novo técnico do Spurs.

Kiwhi Leonard em San Diego State

O restante da história é o grande sucesso de Popovich e o Spurs desde 1996-97. Cinco vezes campeão da NBA (1999, 2003, 2005, 2007 e 2014), três vezes Coach of the Year (2003, 2012 e 2014) e quatro vezes técnico do All-Star Game (2005, 2011, 2013 e 2016). Aqui fica um pouco da história de Coach Pop e seu início nessa conferência maravilhosa. Aliás, o Spurs sabe garimpar na Mountain West. Kawhi Leonard saiu de San Diego State e Becky Hammon saiu de Colorado State. Ademais, Becky foi a primeira técnica mulher a comandar um time na Summer League e logo no primeiro ano foi campeã com o Spurs (2015). Outro feito de Becky é ser a primeira mulher nomeada para o All-Star Game no Coaching Staff (2016).

O principal pilar do Spurs saiu de Air Force e o futuro do Spurs está sendo garimpado na Mountain West também. Muito bom poder acompanhar isso.